r2b
Notícias
Clientes
Editais
Serviços
Projetos em Andamento
Arte in Residência
R2B na Mídia
Parceiros
Dicas
Contato
Vídeos
logo
barra

Conexão VIVO abre inscrições para Projetos Culturais
Dando continuidade à política de formação de redes e ações transformadoras no setor musical, o Conexão Vivo abre edital para o seleção de projetos culturais a serem patrocinados em 2012 e integrados à plataforma do programa. Até 16 de dezembro, pessoas físicas e jurídicas podem se inscrever por meio do portal www.conexaovivo.com.br/editais
Serão financiados projetos de pequeno e médio porte. Para os projetos de pequeno porte, o orçamento total deverá ser igual ou inferior a R$ 100 mil. Os projetos de médio porte poderão ser contemplados desde que seu orçamento total se enquadre entre R$ 100 mil e R$ 800 mil, incluindo recursos incentivados e contrapartida obrigatória, quando for o caso.
Serão selecionados projetos a serem financiados por meio das Leis Estaduais de Incentivo à Cultura (LEICs) e Lei Federal de Incentivo à Cultura (Lei Rouanet). As ações dos projetos poderão ser realizadas em todo o território nacional ou em outros países, a partir de 2012, atendidas as exigências da legislação. Cada proponente poderá inscrever até 3 (três) projetos, em inscrições separadas, em quaisquer áreas ou subáreas do Edital.
O Edital de Projetos Incentivados – Conexão Vivo 2011 têm grande abrangência quanto aos tipos de projetos a serem apoiados. Entre as 12 categorias previstas no edital, estão: pesquisa; formação e qualificação do setor musical; estúdio; produtos em CD, DVD e LP; distribuição (formas de distribuição musical física, digital, remunerada e para fins de divulgação); veiculação (programas de rádio, TV, web e para dispositivos móveis); blogs, sites e portais (criação e manutenção); comercialização de produtos; circulação de shows e turnês; festivais e mostras; feiras; premiações e ainda registros audiovisuais (longas, médias e curtas-metragens em formato de documentário ou ficção), entre outras.
A abrangência da área do audiovisual refere-se a produção de conteúdo e exibição de registros relacionados à música por meio de curtas, médias e longas metragens, bem como a produção de videoclipes, registros em DVDs musicais, filmes de animação e afins. A exibição dos produtos resultantes poderão ser viabilizadas em todos os meios (web, celular, TV, cinema etc.) e/ou transformada em produtos de comercialização direta ao consumidor final.
Mais três editais específicos serão lançados em dezembro, reforçando a expansão da atuação do Conexão Vivo na área de audiovisual. Um destes novos editais a serem anunciados é o Movida, um concurso de seleção de videoclipes produzidos no país, que receberão prêmios por meio da escolha de um júri especializado e votação popular.
Outro edital a ser aberto e que chega a mais uma edição é o Conexão Vivo Animações. Em sua terceira edição, tem por objetivo estimular a produção de obras audiovisuais de animação, explorando a interface entre música e imagem, em suas diferentes possibilidades de linguagem, proporcionando um trabalho entre animadores e músicos.
O último será edital para a ocupação da Sala do Coro do Teatro Castro Alves (BA) por artistas baianos que terão direito a um espetáculo e a gravação e transmissão por rádio e TV.

Comunicado de cadastramentos de espetáculos para os teatros distritais 2012
A Secretaria Municipal de Cultura, através do Departamento de Expansão Cultural e do Centro Cultural São Paulo, faz saber aos interessados que estará cadastrando projetos de espetáculos nas linguagens teatro e dança, públicos infantil e adulto, para a composição da Programação de 2012, nos Teatros Distritais.
Link: Comunicado

Edital 2012 Programa Vocacional
Confira aqui o Edital de Chamamento para Credenciamento de Artistas no Programa Vocacional (PDF)
Link: Edital

Inscrições para o FIT - Ribeirão Preto
Estão abertas as inscrições para o  Festival Internacional de Teatro
de Ribeirão Preto 2012, que ocorrerá entre os dias 04 e 14 de julho.
Os interessados deverão acessar o site do Festival até  23/01 para
inscrever seus espetáculos.

Mais informações pelo site: www.festivalriopreto.com.br

Circuito Cultural Paulista e Cultura Livre 2012
A Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo está com inscrições abertas para o Circuito Cultural Paulista e Cultura Livre, edição 2012.
Os interessados devem inscrever seus projetos até o dia 18 de dezembro pelo site www.cultura.sp.gov.br

 

Mais Cultura – Microprojetos Rio São Francisco
Parte do conjunto de Ações desenvolvidas pela Funarte/Ministério da Cultura, o Programa “Mais Cultura – Microprojetos Rio São Francisco” é voltado para a realização de projetos culturais de baixo custo. A missão do programa é fomentar e incentivar artistas, produtores, grupos, expressões e projetos artísticos e culturais na região da Bacia do Rio São Francisco. Os projetos financiados deverão ser propostos, ou ter como beneficiários, jovens de 17 a 29 anos residentes na área a ser alcançada, para promover a cidadania cultural.
As inscrições serão abertas a pessoas físicas e jurídicas (sem fins lucrativos) que desenvolvam projetos de Artes Visuais, Artes Cênicas, Música, Literatura, Audiovisual, Artes e Expressões Populares e Moda. Serão contemplados 1.050 projetos no valor de R$ 15 mil, em um total de R$ 15.750.000,00 em prêmios.
Para delimitar da região de abrangência do programa, foi utilizada uma lista com 504 municípios elaborada pelo Ministério da Integração Nacional, que abrange sete estados: Alagoas, Bahia, Distrito Federal, Goiás, Minas Gerais, Pernambuco e Sergipe. A população da área é de aproximadamente 15 milhões de habitantes.
A ação representa uma continuidade dos Microprojetos Mais Cultura, realizados anteriormente na região do Semiárido e Amazônia Legal.
O total do investimento nos Microprojetos Rio São Francisco é de R$ 16,8 milhões. Entre suas principais metas estão o apoio a projetos artísticos e culturais de baixo orçamento, fixando a mão de obra local; a sustentabilidade econômica das populações, através de produtos culturais; e a descentralização da política de fomento para a produção artística e sociocultural e o estímulo à cidadania cultural.
O “Mais Cultura – Microprojetos Rio São Francisco” realiza um diálogo com o Programa de Revitalização da Bacia do Rio São Francisco. Este inclui a Funarte/MinC, o Ministério do Meio ambiente e a Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf)/Ministério da Integração Nacional.

 

Cultura Livre SP 2012
Secretaria da Cultura abre inscrições para artistas e grupos interessados em fazer parte do programa. Participe! Programa da Secretaria de Estado da Cultura recebe informações sobre projetos artísticos para avaliar possível inclusão na programação oficial
O Cultura Livre SP está cadastrando artistas e grupos que desejam participar do programa com projetos em qualquer tipo de linguagem artística. A iniciativa da Secretaria de Estado da Cultura leva atividades gratuitas a sete parques e espaços públicos da capital, sempre aos finais de semana, até março do ano que vem.
As inscrições devem ser feitas pelo site www.culturalivre.sp.gov.br. Para o cadastro, é necessário enviar uma sinopse do projeto/espetáculo, um histórico do artista ou companhia e das apresentações realizadas, além das necessidades técnicas básicas para a realização. Também é preciso indicar o endereço eletrônico de sites ou redes sociais em que esteja disponível material do grupo para visualização prévia.
Os projetos cadastrados passam a fazer parte de um banco de dados e serão avaliados pela equipe de produção do Cultura Livre SP, podendo ser posteriormente contratados para integrar a programação oficial. O processo é igual ao já adotado na seleção de trabalhos para a Virada Cultural Paulista.

O programa
O Cultura Livre SP, realizado em parceria com a Secretaria do Meio Ambiente, tem a proposta de levar programação cultural gratuita para espaços ao ar livre da cidade de São Paulo. As atividades acontecem em sete locais: Parques do Tietê, Villa Lobos, Juventude, Guarapiranga, Horto Florestal, Zoológico e Praça da Esperança do Hospital das Clínicas.
Até o fim do ano, 250 atividades serão programadas, incluindo shows e apresentações musicais, dança, teatro, circo, performances, oficinas e espaços interativos. Todas as informações sobre o Cultura Livre SP estão disponíveis no site www.culturalivre.sp.gov.br.

Fotos de Leandro Godoi
Acesse o link: fotos

Novos Editais

Edital ProAC nº 32/2011 - PRIMEIRA PUBLICAÇÃO DE LIVRO
- Vigência: 01/09/2011 a 19/10/2011

Edital ProAC nº 14/2011 - SÉRIES DE ANIMAÇÃO PARA A TV
- Vigência: 01/09/2011 a 21/10/2011

Edital ProAC nº 27/2011 - TEXTO INÉDITO DE DRAMATURGIA
- Vigência: 31/08/2011 a 17/10/2011

Edital ProAC nº 28/2011 - PESQUISA EM ARTES CÊNICAS
- Vigência: 31/08/2011 a 14/10/2011

Edital ProAC nº 26/2011 - PUBLICAÇÃO DE LIVROS DE FOTOGRAFIA
- Vigência: 25/08/2011 a 10/10/2011

Edital ProAC nº 12/2011 - ARTES CÊNICAS P/ RESIDENTES EM MUNICÍPIOS 50 MIL HAB.
- Vigência: 03/08/2011 a 16/09/2011

Edital ProAC nº 24 - PROMOÇÃO E ESTÍMULO À PRESERVAÇÃO DO PATRIMÔNIO CULTURAL
- Vigência: 29/07/2011 a 12/09/2011

Edital ProAC nº 25/2011 - PROMOÇÃO DO ACESSO À CULTURA E FORMAÇÃO DE PÚBLICO
- Vigência: 22/07/2011 a 08/09/2011

Link: Cultura SP

Edital ProAC nº 25/2011 - PROMOÇÃO DO ACESSO À CULTURA E FORMAÇÃO DE PÚBLICO
- Vigência: 22/07/2011 a 08/09/2011
Edital ProAC nº 15/2011 - TELEFILME INÉDITO
- Vigência: 29/06/2011 a 19/08/2011
Edital ProAC nº 16/2011 - FINALIZAÇÃO DE LONGA-METRAGEM
- Vigência: 29/06/2011 a 22/08/2011
Edital ProAC nº 23/2011 - CIRCULAÇÃO DE ESPETÁCULOS MUSICAIS
- Vigência: 29/06/2011 a 17/08/2011
Edital ProAC nº 22/2011 - GRAVAÇÃO DE DISCO INÉDITO
- Vigência: 29/06/2011 a 15/08/2011

Funarte recebe projetos de artes cênicas
A Fundação Nacional de Artes (Funarte) seleciona projetos de ocupação para seus teatros, galpões e salas de espetáculos. Os nove editais para a área de artes cênicas, lançados em 31 de maio, contemplam propostas das áreas de teatro, dança e circo. O processo seletivo está aberto, até 15 de julho, a empresas e produtoras culturais de todo o Brasil. Os interessados devem enviar à Fundação projetos com as programações para os espaços, que podem incluir apresentações de espetáculos, oficinas, debates, palestras e outras atividades ligadas à área de artes cênicas. A seleção dos projetos inscritos fica a cargo de comissões julgadoras compostas por especialistas de cada área. Durante a avaliação, são considerados os seguintes critérios: excelência artística do projeto; sua viabilidade prática e o planejamento para a ocupação, por meio de cronograma da programação; qualificação dos profissionais envolvidos; estratégia de comunicação, divulgação e formação de público; e a conformidade com os objetivos do edital. No mês de julho, enquanto os editais ainda estão em andamento, alguns dos espaços receberão artistas e obras selecionados em maio, quando a Funarte abriu uma convocatória pública de projetos.
Link: Funarte

 

Ocupação do Teatro de Arena Eugênio Kusnet/2011
Companhias, grupos e empresas da área cultural podem ocupar o teatro, de setembro a dezembro de 2011. Eles devem propor à Funarte uma programação, que deve incluir espetáculos de teatro, e/ou seminários, debates, cursos e outras atividades, que promovam a reflexão e a difusão das artes cênicas. Para tanto, o edital contemplaum proponente, que recebe o aporte financeiro de R$ R$ 300 mil. A análise dos projetos fica a cargo de comissões, compostas por especialistas.
Inscrições abertas para todo o Brasil até 15 DE JULHO DE 2011
Investimento total: R$ 317.600,00
Mais informações:
Representação Regional de São Paulo:
Alameda Nothmann, Nº 1058 – Campos Elíseos
São Paulo – SP
Telefone: (11) 3662-5177 

 

8º FESTIVAL DE TEATRO PARA CRIANÇAS DE PERNAMBUCO ABRE INSCRIÇÕES
Estão abertas até 5 de maio as inscrições para grupos e companhias teatrais, de todo o Brasil para se apresentar no 8º Festival de Teatro para Crianças de Pernambuco. Informações e ficha de inscrição: www.teatroparacrianca.com.br (no link home)

 

TEATRO DO SESI SANTO ANDRÉ ABRE INSCRIÇÕES PARA PROJETOS (SANTO ANDRÉ)
O teatro do SESI Santo André abre inscrições a artistas e grupos interessados em realizar apresentações nas áreas de teatro, dança e música. As inscrições estão abertas de 07 de abril a 14 de maio de 2011. O edital e a ficha de inscrição encontram-se disponíveis para download no site do SESI Santo André: www.sesisp.org.br/santoandre (no menu "sociocultural").  Informações: escrever para nacsandre@sesisp.org.br com o assunto "Edital 2011 Projetos Locais".


 

Oportunidades de intercâmbio através do - Edital 004/2011 - Residência de Grupos de Artes Cênicas - Teatro e Dança

INFORMES EDITAL SECULT ES 2011
Investimentos da Secult nos editais de incentivo à cultura serão de R$ 4,8 milhões

A Secretaria de Estado Cultura (Secult) lança, oficialmente, os 22 editais de incentivo à cultura na próxima terça-feira (22). A solenidade será no Salão São Tiago, do Palácio Anchieta, às 10 horas, aberta ao público. Para este ano, os investimentos nas premiações serão de R$ 4.855.000,00, recursos que vão beneficiar artistas e agentes culturais, tornando a atividade cultural uma importante estratégia de desenvolvimento e inclusão social.
Neste ano, a Secult oferece três editais novos. Um contemplará projetos de promoção e valorização da diversidade cultural do Estado. Outro promoverá a itinerância de exposições de artes visuais pelos municípios do interior do Espírito Santo. Também foi criado um edital voltado para a área do audiovisual. Trata-se da concessão de bolsas de criação de roteiros de longametragem.
O edital de produção de longametragem de ficção, depois de um ano de pausa, também voltou à ativa. O projeto contemplado receberá R$ 500 mil para produzir uma obra com duração mínima de 70 minutos.
Todas as publicações, na íntegra, serão publicadas no site da Secult (www.secult.es.gov.br) após o lançamento. Os editais são financiados pelo Fundo de Cultura do Estado do Espírito Santo - Funcultura (Lei Complementar nº 458 de 21/10/2008), mecanismo público de incentivo à atividade cultural.
Os recursos visam contemplar a manifestação cultural em toda a sua diversidade, possibilitando que a arte e a cultura produzidas no Espírito Santo possam ser desfrutadas por todos os capixabas, em especial nas áreas mais vulneráveis do Estado.
Assim como no ano passado, a Secult promoverá encontros de capacitação para esclarecer os trâmites legais e fornecer as informações necessárias para o correto preenchimento dos formulários.
Além disso, a equipe do Funcultura se empenhou para facilitar os procedimentos burocráticos do processo de inscrição, com o objetivo de dinamizar o trabalho e levar os benefícios do montante de recursos para uma maior quantidade de pessoas.

Reforço nos editais voltados para a cultura tradicional

Os dois editais voltados para a preservação e fortalecimento de manifestações folclóricas e culturais capixabas receberam o dobro de investimentos neste ano. Serão 20 mestres premiados, dez a mais que o ano passado. De R$ 100 mil passou para R$ 200 mil o valor total do prêmio. O edital de aquisição de indumentárias, adereços e instrumentos musicais foi pelo mesmo caminho. Serão 40 projetos contemplados que receberão individualmente R$ 10 mil, totalizando R$ 400 mil.

Os editais

- Edital 001/2011 - Auxílio Locomoção para artistas, estudiosos e técnicos Apoio a artistas, técnicos e estudiosos da cultura, nas áreas das artes cênicas, artes visuais, audiovisual, música, patrimônio cultural, humanidades, literatura e de outras expressões culturais, convidados a participar de eventos culturais promovidos por instituições, brasileiras ou estrangeiras, de reconhecido mérito, com as finalidades de: apresentação de espetáculos, eventos culturais ou trabalho artístico próprio; residência artística; ou cursos de capacitação de profissionais de cultura. O valor mensal destinado ao prêmio será de R$ 18 mil, totalizando R$ 198 mil.
- Edital 002/2011 - Produção de ópera com qualificação Produção de ópera com orquestra, com cantor ou diretor cênico convidado, para participar de atividades de capacitação. O prêmio contemplará 01 projeto com R$ 120 mil.
- Edital 003/2011 - Circulação de Espetáculos de Teatro e Dança produzidos no Espírito Santo Esse prêmio contemplará 10 espetáculos de grupos ou solo, já produzidos. Cada um circulará por seis cidades do Estado. O prêmio individual para solo é de R$ 24 mil. Os grupos receberão R$ 42 mil. O total investido neste edital será de R$ 420 mil.
- Edital 004/2011 - Residência de Grupos de Artes Cênicas - Teatro e Dança Grupos de teatro ou dança apresentam projeto de pesquisa com orientação de diretor ou coreógrafo de fora do Espírito Santo. A residência terá cinco meses de duração, com atividades abertas ao público, e produção de espetáculo final. Serão seis contemplados que receberão prêmio individual de R$ 70 mil. Os investimentos neste edital são de R$ 420 mil.
- Edital 005/2011 - Circulação de shows musicais produzidos no Espírito Santo Esse prêmio contemplará 15 shows já produzidos, de solistas ou bandas. Cada um circulará por seis cidades do Estado. O prêmio individual para solista é de R$ 24 mil. As bandas receberão R$ 42 mil. O total investido neste edital será de R$ 630 mil.
- Edital 006/2011 - Projetos de Valorização da Diversidade Cultural Capixaba Projetos de promoção e valorização da diversidade cultural do Estado, em diferentes áreas, com uma só linguagem ou integradas, para realização de ações e/ou eventos. Os projetos podem ser produzidos ou não com parcerias, para desenvolvimento em regiões distintas do Espírito Santo, definidas pelo proponente. Serão 20 projetos contemplados neste edital, com prêmio individual de R$ 20 mil, totalizando R$ 400 mil em investimentos.
- Edital 007/2011 - Edição e Difusão de Obras Literárias Seleção de textos inéditos, nos gêneros contos, crônicas, poesia e literatura infanto-juvenil. Serão dois prêmios para cada categoria, um sempre será destinado a autores estreantes (com prêmio individual de R$ 6 mil) e um para autores já publicados (com individual de R$ 12 mil). No total serão investidos R$ 72 mil neste edital.
- Edital 008/2011 - Criação e publicação de histórias em quadrinhos Seleção de projetos de histórias em quadrinhos, inéditas, com criação, desenvolvimento e finalização de HQ, em preto e branco ou em cores. Os projetos contemplados terão que desenvolver toda a história no prazo máximo de quatro meses para a finalização e apresentação à Secult. Serão três contemplados, com prêmio individual de R$ 5 mil, totalizando R$ 15 mil em investimentos.
- Edital 009/2011 - Inventário, conservação e reprodução de acervos Projetos para acervos de colecionadores ou instituições, disponíveis ao público. Acervos arquivísticos, bibliográficos e museológicos. Serão cinco prêmios para projetos de R$ 30 mil, e quatro prêmios para projetos de R$ 50 mil, totalizando R$ 350 mil.
- Edital 010/2011 - Produção de Exposições/Mostras de Artes Visuais para Itinerância Projetos de artistas, produtores e/ou curadores, para produção de mostra de artes visuais para itinerância pelo Estado, em cinco regiões distintas, definidas pelo proponente. O contemplado receberá prêmio individual de R$ 60 mil.
- Edital 011/2011 - Bolsa Ateliê em Artes Visuais Bolsas para artes visuais, em várias categorias, para desenvolvimento de um projeto de pesquisa/produção artística, com acompanhamento de orientador. Serão cinco bolsas com oito meses de duração, e valor mensal de R$ 2.750,00 para o artista, e R$ 1 mil para o orientador. Cada contemplado utilizará seu próprio ateliê (com local informado antes) para montar sua exposição. O valor total investido neste edital soma R$ 150 mil.
- Edital 012/2011 - Projetos Regionais de Pequeno Porte. Seleção de projetos artísticos e culturais, a serem desenvolvidos nos municípios, atendendo conteúdo de relevância para o desenvolvimento artístico e cultural local. Serão 18 prêmios destinados a municípios com até 80 mil habitantes, e sete para municípios com mais de 80 mil habitantes. O valor individual é de R$ 10 mil, totalizando R$ 250 mil.
- Edital 013/2011 - Criação ou Manutenção de Site de Cultura Projetos de criação ou manutenção de sites de cultura ou sites de instituições culturais. Serão contemplados dois projetos para criação, com prêmio individual de R$ 30 mil, e dois projetos para manutenção, com prêmio de R$ 15 mil. O valor total investido neste edital é de R$ 90 mil.
- Edital 014/2011 - Produção de longametragem de ficção em mídia digital Obra audiovisual de longametragem, no gênero ficção, finalizada em digital com cópia final em fita magnética DVCam ou DVD com a duração mínima de 70 minutos. Será contemplado um projeto com valor individual de R$ 500 mil.
- Edital 015/2011 - Produção de Documentário Produção de documentários em vídeo, que proponham o fortalecimento da identidade capixaba. Serão três contemplados, com prêmios individuais de R$ 60 mil, totalizando R$ 180 mil.
- Edital 016/2011 - Finalização de obras cinematográficas Finalização de obras cinematográficas em película de 35 mm. Duração e número de filmes livre. Investimento total neste edital é de R$ 90 mil.
- Edital 017/2011 - Bolsa de Criação de Roteiros de Longametragem Bolsas para desenvolvimento de roteiros de longametragem. Cada bolsa terá duração de cinco meses. Serão dois contemplados, com valor individual de R$ 10 mil, e R$ 5 mil para cada orientador.
- Edital 018/2011 - Produção de Curtametragem de Ficção Produção de curtametragem de ficção com duração entre 10 e 15 minutos. Serão dois contemplados com prêmios individuais de R$ 80 mil, totalizando R$ 160 mil.
- Edital 019/2011 - Aquisição de Indumentárias, Adereços e Instrumentos Musicais Preservação e fortalecimento de manifestações folclóricas e culturais capixabas. Serão 40 contemplados que receberão individualmente R$ 10 mil, totalizando R$ 400 mil.
- Edital 020/2011 - Mestres da Cultura Popular Mestre Armojo do Folclore Capixaba Concessão de prêmios a mestres das diferentes manifestações do folclore capixaba. Serão 20 contemplados, com prêmios individuais de R$ 10 mil, totalizando R$ 200 mil.
- Edital 021/2011 - Produção de números circenses Produção de números circenses, destinados às trupes, grupos circenses, e aos chamados circos de pano de roda. Serão três projetos contemplados com prêmios individuais de R$ 10 mil, totalizando R$ 30 mil.
- Edital 022/2011 - Aquisição de lona e acessórios Aquisição de lona, pano de roda, cortina e acessórios, bem como equipamentos necessários à montagem ou renovação dos circos de lona, com capacidade para até 600 lugares na plateia. Serão três contemplados, com prêmios individuais de R$ 30 mil, totalizando R$ 90 mil.

 

 

Programa de Ação Cultural - ProAC

Conforme Resolução SC Nº 11/2011, comunicamos que:

• A partir de 14 de março de 2011, estarão abertas as inscrições de novos proponentes para obtenção dos benefícios do ProAC, por meio de incentivo fiscal do ICMS.
• A partir de 21 de março de 2001, estarão abertas as inscrições de novos projetos para obtenção dos benefícios do ProAC, por meio de incentivo fiscal do ICMS.
• No dia 30 de abril de 2011, serão encerradas as inscrições de novos proponentes e de novos projetos para obtenção dos benefícios do ProAC, por meio de incentivo fiscal do ICMS.
• A Comissão de Análise de Projetos - CAP somente aprovará projetos cujos valores somem R$ 90.000.000,00 (noventa milhões de reais). Atingido este valor, não serão mais aprovados projetos.

Acesse aqui a Resolução SC Nº 11/2011, de 28 de fevereiro de 2011, publicada no DOE em 02/03/2011.

 

Rumos Itaú Cultural

O Rumos Itaú Cultural lança editais em três áreas de expressão: Artes Visuais; Educação, Cultura e Arte; e Jornalismo Cultural. O texto completo de cada um está no nosso site. A pré-inscrição no processo de seleção já está disponível.
 
O edital de Artes Visuais 2011/2013 recebe inscrições até 29/5 e é voltado para artistas atuantes no Brasil, com trajetória profissional desde 2000. Educação, Cultura e Arte 2011/2013 aceita, até 30/6, projetos que envolvam cultura e educação não formal. Por fim, Jornalismo Cultural 2011/2012 fica aberto até 15/7, para professores e estudantes de comunicação social.
 
O lançamento do edital de Educação, Cultura e Arte conta com aula-espetáculo do músico e dançarino Antonio Nóbrega, na sede do instituto, em São Paulo, em 23/2, às 20h.
 
Rumos Itaú Cultural - Novos Editais

Artes Visuais 2011/2013 - até 29/5
Educação, Cultura e Arte 2011/2013 - até 30/6
Jornalismo Cultural 2011/2012 - até 15/7

link: Itaú Cultural

Programa Cultural Eletrobrás

Criado em 2008 pela Eletrobras, este Programa tem como objetivo ampliar a democratização do acesso aos recursos destinados anualmente ao patrocínio de projetos culturais.

A primeira edição, referente a 2009, promoveu uma seleção pública nacional para apoio a espetáculos teatrais. Em 2010, foi lançado, pela primeira vez, um edital integrado, envolvendo as empresas Eletrobras.

Além disso, as áreas patrocinadas foram ampliadas. Filmes de longa-metragem, patrimônio imaterial e festivais de cinema e teatro também passaram a fazer parte das modalidades que integram o edital cultural. Os espetáculos teatrais continuaram presentes, dando continuidade à tradição que faz da Eletrobras uma das maiores incentivadoras do teatro no Brasil.

O incentivo à cultura está totalmente alinhado com a nossa missão: levar energia para todos os brasileiros. Não só a energia elétrica que contribui para o desenvolvimento econômico do país, mas também a energia que emana das manifestações culturais e expressa a identidade e a força do nosso povo.

Link: Programa

Agência Nacional do Cinema – ANCINE

A Agência Nacional do Cinema – ANCINE e a Financiadora de Estudos e Projetos – FINEP lançaram hoje, dia 21 de dezembro, no Rio de Janeiro, as novas chamadas públicas do Fundo Setorial do Audiovisual – FSA, que somam R$ 84 milhões em recursos para investimento em projetos para cinema (produção, distribuição e comercialização) e televisão (produção).

Em sua terceira fase de operação, o FSA já é reconhecido como um dos principais instrumentos de fomento à indústria audiovisual no Brasil, tanto pela abrangência das linhas de ação quanto pela estabilidade, que contribui para a organização do mercado.

“Desde o lançamento do Fundo Setorial do Audiovisual, em dezembro de 2008, as convocatórias são abertas na mesma época do ano. Essa constância possibilita aos agentes do mercado maior capacidade de planejamento” observa o diretor-presidente da ANCINE, Manoel Rangel, lembrando que o FSA já nasceu como um mecanismo de política pública inovador, pois seus investimentos prevêem participação na receita obtida pela obra. “O fundo inverteu a lógica do recurso a fundo perdido e convidou os agentes do setor para parcerias nas quais os riscos são divididos. A ampla aceitação desse modelo pode ser verificada pela quantidade e qualidade das propostas recebidas nas chamadas públicas anteriores, quando foram destinados R$ 116 milhões a cerca de 130 projetos”, afirma.

Novamente, as linhas de ação contemplam diferentes atividades da cadeia produtiva do setor: produção de longa-metragem (linha A, R$ 34 milhões), produção de obras para televisão (linha B, R$ 20 milhões), aquisição de direitos de distribuição de longa-metragem (linha C, R$ 25 milhões) e comercialização de longa-metragem (linha D, R$ 5 milhões). Os aspectos artísticos, a capacidade e histórico da empresa proponente, além da compatibilidade entre o orçamento do projeto e a perspectiva de retorno comercial estão entre os critérios de avaliação dos projetos.

Os editais lançados hoje incorporam mudanças efetuadas pelo Comitê Gestor do FSA a partir de sugestões coletadas pela ANCINE junto a representantes do setor. A linha D passa a funcionar em fluxo contínuo, isto é, não existe mais um período de inscrição para propostas de comercialização de filmes. Elas serão analisadas à medida que forem apresentadas à FINEP pelas distribuidoras, o que garantirá maior agilidade ao processo de seleção e, consequentemente, de contratação dos investimentos. Para evitar concentração de recursos, uma determinada empresa não poderá receber mais de 50% do total disponível na linha. Nas demais linhas o prazo de inscrições começa amanhã, dia 22, e segue até 18 de fevereiro de 2011, e devem ser feitas pelo site da FINEP.

Outra novidade válida para todas as linhas reforça o compromisso do FSA com o compartilhamento de riscos, ao mesmo tempo em que busca contribuir para a sustentabilidade do mecanismo. Trata-se de uma pontuação extra, apurada com base nos resultados comerciais de projetos contemplados com investimento do FSA em chamadas anteriores.

Linhas de ação e recursos disponíveis para investimento em 2011

- LINHA A (Chamada Pública Prodecine 01/2010)
Dedicada às operações de investimento em produção de longa-metragem independente, incluindo projetos de coprodução internacional. Nas duas chamadas públicas já realizadas, a Linha A selecionou 63 projetos e investiu um total de R$ 59,2 milhões. Os filmes contemplados – obras de ficção, documentários e animações – espelham a diversidade do cinema brasileiro, e falam com diferentes públicos. Na etapa de seleção é utilizado um indutor regional. Isso significa que, na fase de convocação para a defesa oral (‘pitching’), podem ser chamados projetos cujos proponentes estejam sediados em estados não contemplados no grupo de propostas que obtiver a nota técnica mais alta. Recursos disponíveis: R$ 34 milhões.

- LINHA B (Chamada Pública Prodav 01/2010)
Voltada para operações de investimento em produção independente de obras audiovisuais brasileiras para televisão, privada ou pública, aberta ou por assinatura, incluindo projetos de coprodução internacional. Já selecionou 28 projetos e investiu um total de R$ 20,8 milhões. Devido ao êxito da Chamada Pública de 2009, que contou com maior número de projetos de qualidade e grande adesão de emissoras de TV (cinco redes privadas de sinal aberto, duas de sinal fechado e duas públicas), o Comitê Gestor do FSA resolveu aumentar o montante disponível para investimento, que passou de R$ 17,7 milhões para R$ 20 milhões.

- LINHA C (Chamada Pública Prodecine 02/2010)
Dedicada a operações de investimento em aquisição de direitos de distribuição de longa-metragem, com utilização dos recursos na produção da obra. O objetivo da Linha C é capitalizar as empresas distribuidoras independentes brasileiras, dando a elas a oportunidade de contar com filmes nacionais mais competitivos em seus catálogos. Nas duas chamadas públicas já realizadas, a Linha C investiu R$ 32,5 milhões em 24 propostas. Assim como a Linha B, também recebeu acréscimo de valores nesta chamada pública, passando de R$ 22,5 milhões para R$ 25 milhões o total disponível para investimentos.

- LINHA D (Chamada Pública Prodecine 03/2010)
Voltada para operações de investimento em comercialização de longa-metragem, de produção independente, para exibição em salas de cinema no país. Somente aceita obras que já estejam finalizadas. As empresas distribuidoras precisam apresentar o contrato de distribuição dos filmes. Até o momento, investiu R$ 3,3 milhões em 17 projetos. A partir desta Chamada Pública passa a operar por fluxo contínuo. Recursos disponíveis: R$ 5 milhões.

Comitê Gestor do FSA:
É composto por dois representantes do Ministério da Cultura, um da ANCINE, um do agente financeiro credenciado e por dois representantes da indústria audiovisual, indicados pelo Conselho Superior do Cinema. Cabe ao Comitê Gestor definir as diretrizes e selecionar as áreas prioritárias para a aplicação de recursos do FSA, estabelecer limites de aporte financeiro aplicável a cada grupo de ações, acompanhar a implementação das linhas de ação e avaliar os resultados alcançados. Também é tarefa do Comitê Gestor estabelecer as normas e critérios para a apresentação de projetos.

Composição:
João Luiz Silva Ferreira - Ministro da Cultura e Presidente do Comitê Gestor do FSA
Manoel Rangel - Diretor-Presidente da ANCINE
Newton Cannito - Secretário do Audiovisual do Ministério da Cultura
Luis Antônio Coelho Lopes - Representante da Financiadora de Estudos e Projetos –FINEP
Paulo Mendonça - Representante da indústria cinematográfica e audiovisual
André Sturm - Representante da indústria cinematográfica e audiovisual

Suplentes:
Ranulfo Alfredo Manevy de Pereira Mendes - Secretário Executivo do Ministério da Cultura
Mário Diamante - Diretor da ANCINE
Ana Paula Dourado Santana - Diretoria de Programas e Projetos Audiovisuais da Secretaria do Audiovisual
Murilo Guimarães - Representante da Financiadora de Estudos e Projetos - FINEP
Sílvia Rabello - Representante da indústria cinematográfica e audiovisual

Link: Fundo Setorial

Programa Petrobras Distribuidora de Cultura

Estão abertas as inscrições para a segunda edição do Programa Petrobras Distribuidora de Cultura, a maior seleção pública específica para circulação de peças teatrais no país. O período de inscrições vai do dia 11/11/2010 até o dia 20/12/2010. O programa investirá R$ 12 milhões para o biênio 2011-2012, valor que faz da BR uma grande distribuidora também de teatro de qualidade. A novidade deste ano é a inclusão de espetáculos para o público infanto-juvenil, com R$ 2 milhões.

O programa vai viabilizar a apresentação de espetáculos teatrais já consagrados em cidades diferentes às que já estiveram em cartaz, a preços populares. Por isso, não serão aceitos projetos de peças inéditas, ou propostas de novas apresentações em cidades em que a peça já se apresentou.

Assim como na primeira edição, o programa conta com a parceria com Ministério da Cultura: após a triagem administrativa e a análise da comissão de seleção, será feita a análise técnica referente aos quesitos da Lei Rouanet (8313/1991). Só serão encaminhados para avaliação final do Conselho Petrobras Distribuidora de Cultura aqueles que tiverem a aprovação do MinC. Os resultados da seleção deverão ser divulgados em maio de 2011.

Link: Programa

____________________________

Programa OI de Patrocínios Culturais

O ministro da Cultura, Juca Ferreira, participou nesta segunda-feira, 8 de novembro, no auditório da Oi Futuro, no bairro do Flamengo, Rio de Janeiro, do lançamento do edital do Programa Oi de Patrocínios Culturais Incentivados 2011.

O Programa destinará recursos para o financiamento total ou parcial de projetos aprovados em leis estaduais e municipais de incentivo à cultura. O objetivo da iniciativa é estimular a produção artística no Brasil, valorizando a diversidade como elemento fundamental da identidade  nacional.

O programa também incentivará  iniciativas que valorizem talentos regionais e possibilitem o intercâmbio de ideias e a convergência entre arte e tecnologia, considerando ainda como aspectos relevantes, a capacidade de formação de novas platéias, a criação de novas oportunidades de trabalho e de formação de artistas.

Durante a cerimônia, Juca Ferreira lembrou que não basta aumentar o poder aquisitivo da população. “Isso é importante. Mas é fundamental o acesso à cultura. Neste sentido, esse governo é o continuador da obra da República e o continuador da obra de Deodoro da Fonseca”. O ministro acrescentou, ainda, que “temos de fazer essa diversidade virar uma obra coletiva: do governo, das empresas e da sociedade”.

Humberto Araújo, representante da Secretaria Municipal de Cultura do Rio de Janeiro, destacou que “inspirados pelo trabalho magnífico do MinC, nós percebemos que o Estado precisa fazer chegar esses recursos da cultura até o interior”.

O presidente do Oi Futuro, José Augusto, disse no evento que a Oi sempre teve um olhar atento e dedicado à cultura brasileira. “Desde 2001, através do Oi Futuro, investimos mais de R$ 240 milhões em manifestações artísticas em todo o país. Desse total, cerca de R$ 160 milhões foram desembolsados apenas nos últimos três anos, principalmente por meio do programa Oi de Patrocínios Culturais Incentivados”, informou.

Mais de 950 projetos em segmentos variados,  como teatro, danças, festivais, artes visuais e cinema, já foram contemplados com o Programa, atingindo um público estimado de 13 milhões de espectadores. Seguindo o mesmo modelo das últimas edições, o Oi Futuro será responsável pela gestão do Programa. As propostas serão avaliadas por comissões especializadas em cada uma das áreas culturais e o resultado será divulgado no site do Oi Futuro, em data a ser definida. Os projetos terão a confirmação do patrocínio condicionada à apresentação dos certificados válidos nas Leis de Incentivo à Cultura.

Em 2010, a Oi selecionou, por meio do Programa, 259 projetos culturais, com investimento de cerca de R$ 40 milhões, em diversos estados. Entre as iniciativas selecionadas, há mostras de cinema e artes visuais, longas-metragens, obras de teatro, shows de música, festivais de dança, novas tecnologias, cultura popular, literatura e patrimônio. Os projetos selecionados na edição passada do programa concorreram com mais de 5.300 mil propostas inscritas.

Os artistas e produtores culturais, interessados em participar do Programa Oi de Patrocínios Culturais Incentivados 2011, podem concorrer com mais de um projeto. As inscrições para o processo de seleção estarão disponíveis até 13 de dezembro no site www.oifuturo.org.br ou www.oi.com.br.

Link: http://www.cultura.gov.br/site/2010/11/09/programa-oi-de-patrocinios-culturais-incentivados-2011/

____________________________

Edital do Banco da Amazônia seleciona projetos esportivos e culturais

O Edital de Patrocínios do Banco da Amazônia no ano de 2011 tem por objeto a seleção pública de projetos para patrocínio. As inscrições estarão abertas até 13 de novembro de 2010. O montante de recursos para este certame e de até R$ 5 milhões, que será distribuído nos segmentos abaixo em até 200 projetos:

CULTURAL:
a) Música – Projetos que contemplem a produção musical solo ou coletiva, de
músicos, compositores ou intérpretes, que destaquem preferencialmente a cultura
da Amazônia, considerando as especialidades de cada Estado da Região; formação
de grupos musicais (bandas, corais e orquestras), realização de espetáculos;
realização de festivais, mostras, seminários direcionados a categorias de públicos infantil, adulto, da terceira idade, ou pessoas com deficiência, possibilitando o acesso ao consumo da música, ou que estimulem a formação e o desenvolvimento profissional de músicos (compositores e intérpretes). Serão priorizados projetos com temáticas da cultura dos estados da Amazônia Legal que não têm encontrado espaço de inserção nas diversas formas de distribuição e comercialização.

b) Literatura – Projetos que contemplem ações de incentivo à leitura e formação denovos leitores, produção literária individual ou coletiva de autores valorizando a cultura Amazônia, dirigida ao público adulto e/ou infantil, compreendendo a edição de livros, revistas técnicas, história em quadrinhos; realização de bienais, mostras, seminários, concursos literários direcionados a categorias de públicos infantil, adulto, da terceira idade, ou pessoas com deficiência, que possibilitem o acesso ao consumo da literatura, ou estimulem a formação e o desenvolvimento profissional de escritores e leitores. Serão priorizados projetos com temáticas da cultura dos estados da Amazônia Legal que não têm encontrado espaço de inserção nas diversas formas de distribuição e comercialização.

c) Artes Cênicas – Produção das artes cênicas solo ou coletiva, valorizando a cultura amazônica, dirigidos ao público adulto, infantil, terceira idade ou pessoas com deficiência; realização de festivais, mostras, seminários, direcionados a categoriasde públicos infantil, adulto, da terceira idade, ou pessoas com deficiência, que possibilitem o acesso ao consumo das artes cênicas ou estimulem a formação e o desenvolvimento de profissionais das artes cênicas (diretores, atores, produtores, dançarinos, cenógrafos, etc.). Serão priorizados projetos com temáticas da cultura dos estados da Amazônia Legal que não têm encontrado espaço de inserção nas diversas formas de distribuição e comercialização.

d) Artes Integradas ou não Específicas – Projetos voltados aos saberes populares, identificadas com os chamados mestres dos saberes ou tesouros humanos, que realizem oficinas-escolas para a manutenção, dinamização e circulação dos seus saberes no contexto onde atuam; difusão de acervos culturais, que sejam de interesse público; resgatar as brincadeiras e brinquedos populares, cantiga de roda, contações de histórias e adivinhações; apoiar artista local em eventos de caráter público que valorize as manifestações culturais regionais; capacitar indígenas,comunidades quilombolas, ciganos, comunidades com baixo IDH*; programas de
valorização das línguas indígenas.

ESPORTIVO:
Orçamento Disponível – R$-300.000,00
· Projetos de no máximo R$-15.000,00 para esporte individual
· Projetos de no máximo R$-50.000,00 para esporte coletivo ou eventos esportivos

Projetos que apóiem o esporte amador nas comunidades e/ou bairros carentes. As
premissas que deverão estar contidas no plano de atividades do projeto são: a elevação da auto-estima, inclusão social e melhoria da qualidade de comunidades e/ou bairros carentes.

SOCIAL:

Orçamento Disponível – R$-700.000,00
· Projetos de no máximo até R$-35.000,00
Projetos com temáticas voltadas ao desenvolvimento infanto-juvenil, ações na área de prevenção da violência infantil e no combate às drogas; prevenção à violência contra a mulher, capacitação de cadeias produtivas que favoreçam o desenvolvimento regional sustentável, cursos profissionalizantes de jovens e adultos com inclusão no mercado de trabalho; alfabetização de adultos; prevenção da AIDS; terceira idade.

AMBIENTAL:
Orçamento Disponível – R$-500.000,00
· Projetos de no máximo até R$-35.000,00
Projetos educativos de conscientização ambiental e ecológicos, prêmios de
empreendedorismos como alternativa de desenvolvimento regional, reciclagem,
preservação de rios, otimização de recursos naturais não renováveis, preservação florestal, coleta seletiva de lixo, redução do consumo de água e energia, consolidação de Arranjos Produtivos Locais (APLs).

O Edital contemplará somente projetos que tenham sua implementação prevista para os seguintes Estados: AC, AP, AM, MA, MT, PA, RO, RR, TO. Na área esportiva e cultural, também serão, serão contemplados projetos inscritos nas leis federais de incentivo à cultura.

As inscrições dar-se-ão pela apresentação do projeto na Secretaria da Gerência de Imagem e Comunicação do Banco da Amazônia, localizada na Av. Presidente Vargas nº. 800, 10º andar, bloco B, CEP 66.017-000, Belém/PA, onde será protocolado, até o dia 13/11/2010 às 16hs (horário de Brasília), mediante entrega ou postagem com A.R (aviso de recebimento).

Link:http://www.bancoamazonia.com.br/bancoamazonia2/includes/institucional/arquivos/patrocinio/2011/Edital_Patrocinio_2011.pdf

____________________________

NET lança seu 1º edital de patrocínio esportivo e cultural

A NET, maior empresa de multisserviços de telecomunicações via cabo da América Latina, está lançando seu primeiro edital de seleção de projetos incentivados, com o objetivo de apoiar o esporte, a cultura e cidadania em todo o país.
Presente em 93 cidades brasileiras, situadas em 14 Unidades da Federação (são 13 Estados mais o Distrito Federal), a NET deseja selecionar projetos em cada região do Brasil.

O foco da empresa é investir principalmente em projetos que destacam entretenimento, diversão, família, multiplicidade, coletividade, tecnologia, conectividade e impacto na sociedade.

Assim como o desafio diário da NET é alcançar excelência no desempenho do negócio e buscar a perfeição na qualidade dos serviços que oferece, a partir desse momento espera se tornar uma das maiores incentivadoras de projetos do Brasil, estabelecendo uma relação de qualidade com os proponenteS.

Link: http://www.leidepatrocinio.com.br/incentivo_cultural/novidades/lista_noticia.asp?cd_noticia=438

____________________________

Volvo patrocina projetos esportivos e culturais

A Volvo desenvolve e patrocina projetos que estejam relacionados com os valores essenciais da marca: qualidade, segurança e respeito ao meio ambiente. Também são priorizadas iniciativas culturais e socioambientais que valorizem os talentos artísticos e ícones nacionais e paranaenses, bem como programas que beneficiem grupos de crianças e adolescentes, como forma de ressaltar o papel da cidadania corporativa.

Os patrocínios da Volvo são divididos em:

*institucionais: eventos, feiras, exposições e ações do segmento de transporte comercial com temas relacionados ao meio ambiente e segurança veicular são os focos de atuação da Volvo. A Volvo costuma atuar como o único – ou o principal patrocinador - com o objetivo de reforçar a imagem da sua marca junto a públicos
estratégicos, e atrair intensa repercussão na mídia por meio de seu envolvimento na ação. Por esse motivo, a Volvo evita patrocinar eventos que também são apoiados por seus concorrentes.

* Culturais por meio das Leis de Incentivo à Cultura (Lei Federal e Lei Municipal): nesse caso, a Volvo apóia projetos que contribuam para o desenvolvimento da sociedade fortalecendo valores, revelando tradições e crenças e estimulando o aprendizado e a convivência harmônica entre as pessoas, exercendo seu papel de empresa cidadã, sem esperar, assim, resultados comerciais específicos.

* Esportivos - por meio da Lei Federal de Incentivo ao Esporte: a Volvo somente apóia projetos
esportivos que já obtiveram prévia aprovação perante o Ministério do Esporte. De acordo com a política de Patrocínios do Grupo Volvo Mundial não é permitido o apoio a atletas individuais ou equipes. Somente eventos, torneios ou projetos que promovam ou estimulem o desenvolvimento do esporte no País serão apoiados.

A Volvo patrocina prioritariamente projetos culturais aprovados pelas Leis Federal e Municipal de Incentivo à Cultura, que dispõem, portanto, do prévio aval do Ministério da Cultura e da Fundação Cultural de Curitiba para seu
desenvolvimento. Para o patrocínio aos projetos esportivos, assim como no caso dos projetos culturais, os projetos esportivos devem ter sido previamente aprovados pelo Ministério do Esporte para sua execução.
A empresa não realiza a antecipação de recursos pelas Leis Rouanet e do Esporte durante o exercício fiscal. Desta forma, aguarda o final do ano para a definição de quais projetos serão beneficiados e receberão a captação.

CRONOGRAMA PATROCÍNIO:
Recebimento de propostas: até 16 de novembro de cada ano. As propostas devem ser enviadas para o e-mail: projetos@volvo.com, por meio da ficha de inscrição disponível neste site. Podem ser enviados também anexos opcionais sobre o projeto.
• Avaliação das propostas recebidas através de comitê interno para definição dos projetos a serem patrocinados: acontece de outubro a dezembro.
• Divulgação dos resultados da seleção: até 31 de dezembro, por meio de correspondência eletrônica.
• Execução dos projetos aprovados: durante o ano seguinte.

Link: http://www.leidepatrocinio.com.br/incentivo_cultural/novidades/lista_noticia.asp?cd_noticia=426

____________________________

Edital da Porto Seguro incentiva projetos esportivos e culturais

A Política de Patrocínio da Porto Seguro é compreendida como uma ação de comunicação de relacionamento com o cliente, com o objetivo de oferecer benefícios de qualidade vinculados ao cumprimento de sua missão e valores da empresa.

A análise de projeto será feita de forma transparente e clara considerando criteriosamente a sua adequação conforme os critérios de seleção.

A Porto Seguro patrocina projetos aprovados pela Lei nº. 8.313, mais conhecida como Lei Rouanet, que é uma lei brasileira para incentivar investimentos culturais, que pode ser usada por empresas e pessoas físicas que desejam financiar projetos culturais. Aempresa apoia também os seguintes segmentos: Esportes, Livros, Cursos, Eventos, Social, Projetos Especiais, Teatro, Cinema, Exposições, Dança, Música e Televisão.

O período de recebimento de projetos para Lei Rouanet, agora, para 2011, é de 01 de setembro a 17 de novembro de 2010. Depois deste período, os projetos passam por uma pré-avaliação e seleção pela Comissão da Lei Rouanet. 

Link: http://www.portoseguro.com.br/porto-seguro/corporacao-porto-seguro/projetos-institucionais/politica-de-patrocinio-e-apoio-cultural.html?uid=7a24d65bbe72491bbbb5bcb7670d30b6

____________________________

BID busca propostas para projetos em pequena escala

O Centro Cultural do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) está buscando propostas para concessões de ajuda financeira em 2011 a projetos de desenvolvimento cultural de pequena escala. As propostas devem ser enviadas antes de 31 de janeiro de 2011 para as Representações do BID nos 26 países da América Latina e do Caribe.

As doações, de US$ 3.000 a US$ 10.000, serão concedidas a propostas que satisfaçam uma necessidade local, apoiem a excelência artística, estimulem a atividade econômica e social de forma inovadora e bem-sucedida, além de contribuir para os valores culturais, o desenvolvimento dos jovens e da comunidade.

O Programa de Desenvolvimento Cultural foi concebido para estimular o desenvolvimento de projetos inovadores, preservar e recuperar tradições e conservar o patrimônio cultural, entre outros objetivos.

Os projetos são avaliados de acordo com sua viabilidade, alcance educativo, uso eficaz de recursos, capacidade de mobilizar recursos financeiros adicionais e impacto de longo prazo sobre a comunidade.

O BID pode financiar até dois terços de um projeto. As organizações locais são responsáveis por proporcionar o resto dos recursos e apoiar o projeto de modo sustentável.  

lLink: http://www.culturaemercado.com.br/editais/bid-busca-propostas-para-projetos-em-pequena-escala-2/

____________________________

Lei Estadual de Incentivo à Cultura de MG

Até o dia 19 de outubro, estão abertas as inscrições para projetos a serem beneficiados pela Lei Estadual de Incentivo à Cultura de MG para o ano de 2011, com o objetivo de fazer a interlocução entre o empreendedor e o incentivador, aproximando produtores, artistas, investidores e público, contribuindo para dinamizar e consolidar o mercado cultural em Minas Gerais.

Os projetos apresentados são analisados e selecionados pela Comissão Técnica de Análise de Projetos – CTAP, de representação paritária, constituída por técnicos da Secretaria de Estado de Cultura, e de suas instituições vinculadas, e por representantes de entidades das classes artísticas de Minas Gerais, de estrutura hierárquica composta por presidente, colegiado e membros pareceristas.

A Secretaria de Estado de Cultura espera atender as necessidades dos proponentes da capital mineira, utilizando a política de descentralização, destinando 42% dos recursos aprovados para o interior do Estado, respeitados os critérios de avaliação documental, técnico, artístico, de fomento e orçamentário determinados tanto pela CTAP, quanto pela DLIC e, ainda, pela SFIC.

Os proponentes podem fazer as inscrições dos projetos via correio ou pessoalmente, de segunda a sexta-feira, das 10h às 16 horas, na Secretaria de Estado de Cultura, Superintendência de Fomento e Incentivo à Cultura (SFIC), aos cuidados da Diretoria da Lei de Incentivo à Cultura (DLIC), na Cidade Administrativa (Rodovia Prefeito Américo Gianetti, s/nº, Prédio Gerais – 5º andar – Serra Verde – CEP: 31.630-901 – Belo Horizonte – MG). Há também um posto para entrega de projetos – apenas presencial – na Av. Assis Chateaubriand, 167, Floresta, Belo Horizonte. Informações pelo telefone (31) 3915-2682 ou 3915-2698.

Os interessados poderão inscrever até dois projetos. Visando uma adequação gradativa nos aspectos tecnológicos, o proponente, ao fazer sua inscrição, além do preenchimento e envio da documentação em forma física, deverá enviar, também, os arquivos contendo os formulários gravados em mídia ótica (CDs ou DVDs). Essa medida irá facilitar e agilizar o processo de análise do projeto.

Excepcionalmente neste edital, a lista de projetos aprovados será publicada no Diário Oficial do Estado de Minas Gerais e no site da Secretaria de Cultura, em duas etapas. A primeira etapa de divulgação dos aprovados será no dia 20 de janeiro de 2011, para os empreendedores cujos projetos têm cronograma fixo de execução nos meses de janeiro e fevereiro, conforme detalhamento do cronograma e sem direito a pedido de prorrogação de tal prazo de execução, sendo de inteira responsabilidade do proponente a veracidade das informações. A segunda etapa, em 27 de fevereiro de 2011, para os empreendedores cujos projetos têm cronograma de execução de março a dezembro, conforme detalhamento do cronograma de execução. Para mais informações acesse www.cultura.mg.gov.br ou ligue (31) 3915-2682 ou 3915-2698.

____________________________

Lançamento 4º Edital Cultural Votorantim

No dia 3 de agosto, o Instituto Votorantim inicia seu4º processo de seleção pública de projetos, voltados a todas as áreas culturais – artes visuais, artes cênicas, cinema, vídeo, literatura, música e patrimônio. O edital, que acontece desde 2006, seleciona iniciativas que promovam a ampliação e a qualificação do acesso de jovens, entre 15 e 29 anos, a bens culturais.

Nessa edição, serão investidos R$ 3 milhões, e a novidade fica por conta da categoria Acessibilidade, que contemplará projetos de inclusão e formação cultural para jovens com deficiência ou mobilidade reduzida. Do investimento total, até R$1 milhão será destinado à essa categoria. Segundo o Gerente de Planejamento e Desenvolvimento do Instituto Votorantim, Rafael Gioielli, “é preciso investir em projetos que diminuam as barreiras simbólicas, econômicas e físicas que dificultam o acesso às artes, e que no caso de jovens com deficiência, são ainda mais complexas”.

Fique atento! As inscrições começam em agosto aqui pelo blog Acesso. O regulamento do Edital já está disponível, não deixe de conferi-lo para preparar sua inscrição.

Não perca a oportunidade dessa parceria!

Link:  Regulamento

____________________________

Programa Petrobras Cultural 2010 abre inscrições

A Petrobras lança mais 16 áreas de Seleção Pública da Edição 2010. A segunda fase do programa, com verba de R$ 52,2 milhões, é destinada à escolha de projetos dentro das três linhas de atuação do PPC: Formação; Preservação e Memória; e Produção e Difusão.

Os incentivos incluem desde projetos de pesquisa artística até projetos de distribuição de bens culturais. Podem inscrever-se projetos destinados à recuperação e digitalização de acervos, à manutenção de grupos e companhias de artes cênicas, à produção de filmes, a eventos de artes eletrônicas, à gravação de CDs, a turnês de shows/concertos, entre outros.

As 16 áreas completam o pacote da Edição 2010, que tem verba total de R$ 61,2 milhões e 19 áreas de seleção pública. A Petrobras espera receber projetos de todas as regiões do país para a realização dos patrocínios a partir de 2011.

Em dezembro de 2009, a Petrobras abriu inscrições para as áreas de Festivais de Música, Festivais de Cinema e Difusão de Filmes de Longa-Metragem em Salas de Cinema. Estas áreas são lançadas no final do ano e tem seus resultados anunciados no primeiro trimestre do ano seguinte, pois precisam ser realizadas ao longo do ano corrente.

Link: Site Petrobras

____________________________

Sabesp

A Sabesp tem em sua política institucional o compromisso com a promoção da cidadania e do meio ambiente. A Empresa investe em projetos socioambientais e culturais que promovem a visão da empresa e sua imagem junto aos públicos interno e externo. 

A inscrição de projetos pode ser feita em 3 períodos distintos, conforme cronograma abaixo:

> De 5 de fevereiro a 15 de março

> De 15 de junho a 15 de julho

> De 15 de outubro a 15 de novembro

Link:  Site SABESP

____________________________

Programa de Ocupação dos Espaços da Caixa Cultural Patrocínio 2011

A CAIXA comunica que receberá no período de 26 de abril a 18 de junho de 2010, projetos culturais para ocupação dos espaços da CAIXA Cultural localizados em Brasília, Curitiba, Rio de Janeiro, Salvador e São Paulo, para formação da pauta no período de Janeiro a Dezembro de 2011.

Link: Caixa Cultural

____________________________

Rumos Teatro - Itaú Cultural

Esta é a primeira edição do Rumos Teatro, que tem como finalidade promover o intercâmbio entre teatros de grupo com práticas contínuas de pesquisa, de todas as regiões do Brasil. As inscrições, gratuitas efeitas exclusivamente pelo site, começam no dia 3 de março e vão até 30 de junho.

Leia o regulamento completo: Cada inscrição deve ser realizada obrigatoriamente por dois grupos, que apresentarão proposta conjunta de pesquisa, seja de práticas artísticas, de formação, de sistematização de uma pesquisa já em andamento, etc. Não há limite quanto ao número de integrantes, mas, ao efetuar a inscrição, um representante de cada grupo (maior de 18 anos) deve constar como responsável, ou proponente. Os demais serão denominados participantes. As propostas de compartilhamento receberão apoio financeiro. Como contrapartida, os grupos deverão manter um blog, realizar encontros presenciais e participar de uma mostra organizada pelo Itaú Cultural ao final do programa.

Para participar, acesse o formulário de inscrições pelo site itaucultural.org.br/rumosquarta

Inscrições: de 03 de março a 30 de junho de 2010.
Dúvidas: rumosteatro@itaucultural.org.br
Durante o período de inscrição, o Rumos desenvolve palestras e debates pelo Brasil para promover a reflexão de temas relacionados ao teatro eao mercado cultural, além de estimular a participação no programa. Para conferir a programação de encontros e a repercussão da caravana pelo país e acompanhar o processo de trabalho e os resultados dos selecionados de outras edições, acesse o Blog do Rumos.

Link: Rumos Itau Cultural

____________________________

Funarte seleciona projetos de ocupação para seus espaços cênicos

Inscrições abertas

  • Abertura: 31/03/2010
  • Encerramento: 14/05/2010

A Fundação Nacional de Artes (Funarte) abre nesta quarta-feira, 31 de março de 2010, processo seletivo para projetos de ocupação dos teatros Cacilda Becker e Glauce Rocha, no Rio de Janeiro, e da Sala Carlos Miranda, da Sala Renée Gumiel e do Teatro de Arena Eugênio Kusnet, em São Paulo.

O concurso nacional, lançado por meio de edital, está com inscrições abertas até 14 de maio.

Companhias, grupos e empresas de todo o Brasil podem enviar à Fundação suas propostas de programação para os espaços. Os selecionados receberão aporte financeiro de até R$ 80 mil. Ao todo, dez proponentes serão contemplados.

A análise dos projetos caberá a comissões compostas por especialistas da área de artes cênicas, que vão considerar, entre outros critérios, a excelência artística da proposta e sua viabilidade prática, além da qualificação dos profissionais envolvidos.

O investimento total da Funarte nos programas será de R$ 652 mil. Em alguns dias, será lançado ainda o edital de ocupação do Teatro Plínio Marco, em Brasília.

Link: Site Funarte

____________________________ 

RUMOS ITAÚ CULTURAL DE TEATRO, 1ª edição (2010-2012)

Inscrições a partir do dia 3 de março e vão até 30 de junho

A primeira edição do Rumos Teatro tem como finalidade promover um intercâmbio entre teatros de grupo de todas as regiões do Brasil, contribuindo para o amadurecimento, a formação e a articulação desses coletivos no cenário cultural brasileiro.Vale observar que, neste programa, entende-se teatro de grupo como comunidade ou coletivo artístico empenhado em um mesmo projeto de caráter investigativo com práticas de pesquisa continuada, que difere do teatro comercial, empresarial ou institucional.

Participação
As inscrições estão abertas a grupos de teatro brasileiros. Podem participar criadores brasileiros e estrangeiros que, com residência fixa no Brasil há mais de três anos, tenham desenvolvido sua carreira artística no país. Não há limite quanto ao número de pessoas que integram os grupos.

Premiação
Serão contempladas até 10 propostas de compartilhamento de práticas criativas entre grupos de teatro (20 grupos).

Esses grupos receberão:
* Para propostas de compartilhamento de práticas entre dois grupos da mesma cidade: apoio financeiro de R$ 20 mil para cada grupo (total por proposta: R$ 40 mil).
* Para propostas de compartilhamento de práticas entre dois grupos de cidades diferentes da mesma região ou de intercâmbio entre cidades das regiões Sul e Sudeste e das regiões Sudeste e Centro-Oeste: apoio financeiro de R$ 28 mil para cada grupo (total por proposta: R$ 56 mil).
* Para propostas de compartilhamento de práticas entre dois grupos de cidades diferentes entre as regiões Norte e Norte, Sul e Nordeste, Sul e Centro-Oeste e Nordeste e Sudeste: apoio financeiro de R$ 36 mil para cada grupo (total por proposta: R$ 72 mil).
* Para propostas de compartilhamento de práticas entre dois grupos de cidades distintas das regiões Sul e Norte, Sudeste e Norte, Centro-Oeste e Norte, Nordeste e Norte e Nordeste e Centro-Oeste: apoio financeiro de R$ 44 mil para cada grupo (total por proposta: R$ 88 mil).

Contrapartida
Os selecionados manterão um blog por um período mínimo de seis meses e realizarão, no mínimo, dois encontros presenciais entre os grupos envolvidos no projeto. Também apresentarão os resultados das pesquisas em uma mostra a ser realizada em 2011, organizada pelo Itaú Cultural. Na ocasião, o instituto subsidiará passagens e hospedagens para os artistas que residem fora da cidade.

Link: Itau Cultural

____________________________

Editais de fomento ao teatro e à dança têm inscrições abertas

No período entre 3 e 26 de fevereiro, os interessados devem realizar inscrições pessoalmente na sede da Secretaria de Cultura com a documentação informada no edital

Foram publicados no Diário Oficial da Cidade de São Paulo, nesta terça-feira, 2 de fevereiro, os editais de fomento ao teatro e à dança. O período de inscrições, que só podem ser realizadas pessoalmente, é de 3 a 26 de fevereiro.

No início do ano, a pedido de movimentos e entidades ligados às artes cênicas, ambas as publicações haviam sido suspensas para resolução de alguns pontos, como as despesas permitidas nos projetos e o percentual de corte do orçamento. O item destinado a disciplinar as inscrições informa que o orçamento deverá prever recursos financeiros, humanos e materiais necessários ao desenvolvimento do projeto e ressalta que “nas propostas e projetos apresentados por núcleos artísticos associados a cooperativas, os orçamentos poderão contemplar, além dos recursos discriminados no item V, aqueles destinados ao reembolso das despesas operacionais das cooperativas, como assessoria contábil e jurídica aos seus cooperados, além das despesas diversas regularmente admitidas em lei”.

Além disso, em atendimento a solicitações da categoria artística, foi incluída no edital a ressalva que a comissão julgadora poderá reduzir em, no máximo, 50% o orçamento proposto, embora nunca tenha havido redução acima deste percentual.

No caso do fomento ao teatro, estão disponíveis para esta primeira edição do ano, R$ 4.815.806,81, sendo que cada grupo poderá receber, no máximo, R$ 660.705,77. O edital de fomento à dança prevê investimento de R$ 2 milhões, sendo o valor máximo destinado a cada grupo de R$ 250 mil. A prestação de contas está mantida.

As inscrições devem ser feitas no Departamento de Expansão Cultural, na sede da Secretaria de Cultura, localizada na Avenida São João, 473 – 6º andar, de segunda à sexta-feira, no período entre 10h e 12h; e 14h e 17h.

Veja os editais na íntegra:

Link: Secretaria da Cultura

____________________________

Novos Editais

Longa-metragem de ficção para roteiristas profissionais
Apoio a 7 projetos de desenvolvimento de roteiros cinematográficos, inéditos, de longa-metragem de ficção. Voltado para roteiristas profissionais.

Longa-metragem de ficção para roteiristas estreantes
Apoio a 12 projetos de desenvolvimento de roteiros de longa-metragem de ficção, inéditos, com o objeivo de motivar a formação de novos profissionais da área de roteiros cinematográficos de ficção.

Longa-metragem de ficção ou animação com temática infantil
Apoio a 3 projetos de desenvolvimento de roteiros de longa-metragem com temática infantil, inéditos, de ficção ou animação, com R$ 50 mil para cada um. As obras devem ser dirigidas ao público infantil, com faixa etária entre 4 e 12 anos de idade.

Longa-metragem de ficção de baixo orçamento
Apoio a 7 obras cinematográficas inéditas, com até R$1,2 milhão para cada uma, de longa-metragem de ficção, com uso ou não, parcial ou total, de técnicas de animação, de baixo orçamento, com duração superior a 70 minutos.

Curta-metragem de ficção ou documentário
Apoio a 20 obras cinematográficas, com até R$80 mil, inéditas de curta-metragem, de ficção ou documentário, sendo aceitas técnicas de animação em ambos os gêneros.

Link: blogacesso

____________________________

Eletrobrás amplia edital para patrocinar as artes


O Globo, em 20/01/2010

Cinema e eventos populares são adicionados, mas Teatro, que já havia, detém mais verbas
Com um aumento de verba de 6,5 milhões para investimento em Cultura, a Eletrobrás lançará daqui a cinco dias o segundo edital de sua História, com algumas mudanças em relação ao primeiro, realizado no ano passado.

Em 2009, o Programa Eletrobrás de Cultura distribuiu R$ 8,4 milhões para 23 produções de Teatro. Este ano, serão R$ 15 milhões divididos em três áreas: Teatro, Audiovisual e patrimônio cultural imaterial. Esta última diz respeito a festas populares e a eventos musicais ligados à Cultura popular brasileira.

O patrocínio é feito por meio da Lei Rouanet. O edital receberá inscrições até 15 de março. Em 2009, quando contemplava só o Teatro, foram computadas 400 inscrições, das quais 130 atravessaram a primeira seleção. Peças infantis, por exemplo, não passaram pelo filtro, já que a empresa apoia somente espetáculos adultos.

As inscrições serão recebidas apenas pelo site da Eletrobrás, sem cobrança de qualquer taxa. Ao Teatro, serão destinados R$ 10,5 milhões; ao Cinema, R$ 2,75 milhões; e ao patrimônio cultural, R$ 1,5 milhão.

Nas duas primeiras categorias, serão acolhidas propostas de peças e de filmes e também de festivais de Teatro e de Cinema. Os critérios de seleção variam para cada categoria, mas o coordenador geral da presidência da Eletrobrás, Luiz Augusto Figueira, que organizou o edital, resumeos da seguinte forma: - Analisamos o mérito do projeto, a sua viabilidade de execução, a sua viabilidade orçamentária, isto é, se o orçamento do projeto é condizente com as suas metas, a sua relação custo-benefício, a sua abrangência e a sua capacidade de beneficiar comunidades próximas.

Por exemplo, a produção de uma peça pode empregar na cenografia alunos de um curso numa comunidade carente ou se pode fazer uma apresentação do espetáculo nessa comunidade. Queremos oferecer a Cultura a públicos não convencionais. Por esse motivo também resolvemos apoiar festivais de Teatro e de Cinema, para que sejam levados a regiões fora do eixo Rio-São Paulo.

Os projetos eleitos estrearão entre agosto deste ano e fim de julho de 2011. Os premiados serão escolhidos por profissionais ligados a cada área. No ano passado, por exemplo, a crítica de Teatro Barbara Heliodora integrou a banca. Antes de 2009, uma comissão interna de funcionários da Eletrobrás escolhia os patrocinados, sem edital.

FONTE: Edital

SITE: Eletrobrás

____________________________

SEC lança editais do Projeto Ademar Guerra

Projeto Ademar Guerra, de Estímulo ao Teatro no interior do Estado, lança sua programação para 2010, com editais de seleção de grupos e contratação de orientadores artísticos em todo o Estado de São Paulo.

Realizado pela Secretaria de Estado da Cultura, através da ASSAOC – Associação Amigos das Oficinas Culturais do Estado de São Paulo, o PROJETO ADEMAR GUERRA, abre inscrições para a seleção de grupos que queiram participar do processo seletivo para receber Orientação Artística na Edição 2010 do Projeto.

O Projeto Ademar Guerra traz novidades em seu Edital para contratação de Orientadores Artísticos. Por ter seu foco voltado especialmente para o trabalho dos grupos, nesta Edição o candidato à vaga de Orientador Artístico fará sua inscrição para um dos grupos selecionados. Desta forma, faremos com que haja maior afinidade entre os perfis de grupos e orientadores, bem como, entre os respectivos projetos de trabalho.
As inscrições para o processo seletivo para contratação de Orientadores Artísticos estarão abertas no período de 23 a 26 de Fevereiro de 2010.

SELEÇÃO DE GRUPOS
Inscrições: 05 de Janeiro a 05 de Fevereiro de 2010
Acesse aqui o edital de seleção de grupos.

SELEÇÃO DE ORIENTADORES
Inscrições: 23 a 26 de Fevereiro de 2010
Acesse aqui o edital de contratação de orientadores artísticos.

INFORMAÇÕES
(011) 2292-7711 / 2292-7071 - Ramais: 209 ou 211
www.oficinasculturais.org.br

Sobre o Projeto

Criado em 1997, o projeto tem como objetivo principal propiciar orientação artística especializada a grupos teatrais em atividade no interior. Essa orientação se dá por meio da contratação e envio de profissionais de teatro (orientadores artísticos) para atuar junto aos grupos selecionados, num processo pedagógico de acompanhamento de seus projetos de pesquisa e/ou montagem de espetáculos.

Em 2009, o Projeto Ademar Guerra passou por uma reformulação administrativa e conceitual, coordenada pelo diretor teatral Abílio Tavares. Essas mudanças constituíram na criação de uma equipe pedagógica para acompanhar e avaliar os projetos, coordenada pela atriz, diretora e pedagoga Maria Tendlau.

Agora em 2010, o Projeto verticaliza seu cunho pedagógico e busca estreitar a relação com os grupos participantes e também com as cidades que farão parte desta Edição.

Sobre o Ademar Guerra

O nome do projeto homenageia o diretor de teatro Ademar Guerra (1933-1993). Ao longo de sua carreira, ele atuou em diversas áreas, realizando também espetáculos de dança, música e séries para televisão. Nasceu em Sorocaba e iniciou sua carreira no teatro amador de Campinas na década de 50, onde dirigiu seu primeiro espetáculo. Seu trabalho era focado especialmente na busca de uma coerência entre a linguagem e o discurso de seus espetáculos e o respeito à primazia do ator na cena.

____________________________

COMUNICADO ABERTURA DE CREDENCIAMENTOS - ATENÇÃO!

O Secretário de Estado da Cultura, no uso das atribuições que lhe são conferidas, RESOLVE, que estão abertas a partir de 16 de dezembro de 2009 as inscrições para cadastramento de novos Proponentes para a obtenção dos benefícios do ProAC/ICMS – Programa de Ação Cultural.

IMPORTANTE: As inscrições para cadastramento de Projetos permanecem provisoriamente suspensas.

Link:Site

____________________________

Programa de Intercâmbio e Difusão Cultural - Edital nº 2/2009
Para viagens em março e abril de 2010, inscrições até 20 de dezembro

Longa DOC
Inscrições até 25 de janeiro de 2010

Curta Criança
Inscrições até 25 de janeiro de 2010

Edital Brasília 50 anos
Inscrições até 25 de janeiro de 2010

Etnodoc 2009
Inscrições até 30 de dezembro de 2009

Edital Cine Mais Cultura - Estado de Santa Catarina
Inscrições até 29 de janeiro de 2010

Edital Cine Mais Cultura - Estado do Pará
Inscrições até 22 de janeiro de 2010

Programa Cultura e Pensamento
Inscrições até 17 de janeiro de 2010

Prêmio SAV de Pesquisa em Cinema 2009
Inscrições prorrogadas até 5 de janeiro de 2010

Edital de Periódicos de Conteúdo Mais Cultura 2009
Inscrições prorrogadas até 11 de dezembro

Link: Editais

____________________________

IInstituto Cultural Usiminas

A empresa investe em projetos culturais enquadrados na Lei Federal de Incentivo à Cultura, Lei do Audiovisual e Lei Estadual de Incentivo à Cultura de Minas Gerais e de São Paulo (PROAC).

Os projetos devem ser encaminhados ao Instituto Cultural Usiminas com todo o detalhamento técnico e artístico necessário. O Instituto é a área que recebe e emite parecer sobre os projetos culturais (análise da qualidade do projeto, do interesse para a empresa, sugestão de valor de patrocínio, forma de desembolso etc). Após esta análise, o parecer é avaliado pelo Comitê de Cultura e Esporte da Empresa, um grupo multidisciplinar, que decide quais serão os projetos patrocinados. As negociações e o acompanhamento da realização do projeto são conduzidos pelo Instituto Cultural Usiminas.

Para efeito de cadastramento, é obrigatório o envio do formulário de patrocínio cultural preenchido, assim como a cópia da publicação no Diário Oficial.

Faça o download do Formulário de Patrocínio Cultural

Lei Federal de Incentivo à Cultura e Lei do Audiovisual

A empresa faz análise destes projetos ao longo de todo o ano, sobretudo a partir do segundo trimestre, quando tem uma previsão mais real dos resultados financeiros da Empresa e da estimativa do Imposto de Renda.

Lei Estadual de Incentivo à Cultura de Minas Gerais

A empresa faz a análise dos projetos assim que a lista de aprovação é publicada pela Secretaria de Estado da Cultura de Minas Gerais. Não existe prazo fixo para recebimento de projeto, entretanto sugerimos que os projetos sejam encaminhados em seguida à aprovação na Lei.

Contato Instituto Cultural Usiminas
Projetos de Minas Gerais
R Professor José Vieira de Mendonça, 3011 - 5º andar
Bairro Engenho Nogueira
Belo Horizonte - MG
CEP: 31.310-260
Tel: (31) 3499-8810, 3499-8895 e 3499-8921

Projetos de São Paulo
A/C Érica Morizono - Instituto Cultural Usiminas
Av. do Café, 277 - Torre B - 8º andar
Vila Guarani
São Paulo - SP
CEP: 04.311-000
Telefone: (13) 5591-5418

Projetos para a Baixada Santista
Usina José Bonifácio de Andrada e Silva
A/C Patrícia Limeres - Instituto Cultural Usiminas
Estrada de Piaçaguera, km 6 - s/n
Vila das Indústrias
Cubatão - SP
CEP: 11.573-900
Telefone: (13) 3362-2976

 

 

 

 

         
     
 

Projetos para a Internet
Todos os diretos reservados
2010 | 2011